Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mami

viver | amar | sentir | pensar | lutar | conquistar | desafiar | refletir | descobrir | experimentar | partilhar | aprender | acreditar | sonhar * ser mãe sem me perder de mim *

viver | amar | sentir | pensar | lutar | conquistar | desafiar | refletir | descobrir | experimentar | partilhar | aprender | acreditar | sonhar * ser mãe sem me perder de mim *

5 | frases essenciais para amantes de vinho

recentemente partilhei que sou amante confessa de vinho.

há um conjunto de frases deliciosas e, diria eu, essenciais para os apreciadores deste néctar dos deuses - tendo dionosio e baco como precursores.

 

- 1 -

- para os meteorologistas  -

wine lovers 5

 

 

- 2 -

- para os românticos -

winw lovers 1

 

 

- 3 -

- para os aventureiros -

wine lovers 2

 

- 4 -

- para os exigentes -

 

wine lovers 3

 

 

- 5 - 

- para os realistas -

 

wine lovers 4

 

 

eu sou um blended de todos 

 

 

 

30 dias de gratidão #16 porque parte do teu corpo estás grata?

pela meu cérebro 

 

 

vinho no porto | 2 eventos a mesma paixão

eventos vinho

 

sou amante confessa de vinho.

gosto da diversidade que nos oferece e das surpresas que encerra.

os bons vinhos contam histórias únicas, fazem-nos sentir aromas, texturas e sabores incomparáveis. beber um bom vinho é uma experiência que envolve todos os sentidos…desde o som o saca-rolhas a extrair a rolha ao da garrafa a verter o vinho no copo; o brilho e intensidade da cor; os aromas frescos, exóticos, quentes ou envolventes que exala; a reação que produz na nossa boca, desde o adstringente ao suave aveludado; o sabor…tão diverso que impossível é generalizar!

por tudo isto e pelo prazer que me dão as experiências vínicas, tenho andado a questionar-me o porquê de se fazerem dois eventos para amantes de vinho no mesmo fim-de-semana (24 e 25 de fevereiro), na mesma cidade (porto).

limitam a nossa vontade e impõe uma escolha.

no ano transato fui ao simplesmente vinho. por 10€ deram-me um copo e com ele eu lá ia passeando pelos produtores fazendo as provas. supostamente havia também comida (para a qual recebemos senhas à entrada), mas como fomos já tarde (o evento encerrava às 22h) já pouco restava - o que não achei nada simpático! valeu-nos umas provas de azeite (maravilhoso) para ajudar a "ensopar" o vinho, porque embora sejam provas...depois de alguma até o mais forte se ressente!

este ano irei à essência do vinho, mais caro, 20€ se adquirido online (25€ se comprado na bilheteira -  ambos dão acesso a descontos em transporte - metro e comboio). a dinâmica do evento é semelhante; tem, no entanto, mais produtores (350) e atividades paralelas.

sendo os dois no mesmo fim-de-semana, faz sentido experimentar um "novo" mas para quem ainda não experimentou o simplesmente vinho e não quiser investir menos esta é uma boa opção (não vão é "tarde" e se for...vá de estômago forradinho ;))

a sapo lifestyle tem um passatempo a decorrer para quem quer (eu quero) bilhetes duplos para a essência do vinho 2017. por isso, se o vinho também é tua paixão, lança-te no passatempo.

 

 

 

30 dias de gratidão #15. por que estação estás grata?

a minha estação favorita é a primavera. o renascimento da energia, o sol, o calor, as tardes na esplanada 

lição de vida

sou um ser egoísta, não posso negar.

procuro o que me dá prazer e o que me faz bem. não prejudico ninguém, pelo menos de forma consciente, e vivo conscientemente.

não tenho paciência para o aiai, aiaiai de muita gente.

acredito que não tenho de gostar de toda a gente, nem toda a gente tem de gostar de mim!

também já fui uma aiai, aiaiai! não profissional, mas admitindo que tinha algum prazer em lamentar-me ao nível de uma atriz de uma qualquer telenovela mexicana.

num daqueles dias de aiai, aiaiai por causa de um qualquer mal de amor, que era incontestavelmente o homem da minha vida (como foram outros a seguir), estava eu afundada numa brutal infelicidade, quando por outra adversidade do universo - o de não ser milionária - tive de me arrastar para o trabalho. tinha agendada uma entrevistar com uma rapariga especial para fazer uma peça sobre a sua história de vida.

 tive nesse dia uma grande lição.

a miúda tinha uma doença congênita rara. embora tivesse um desenvolvimento cognitivo normal para qualquer pessoa de 26 anos, o seu corpo não se tinha desenvolvido (não tinha formados membros superiores ou inferiores, e o tronco era semelhante ao de uma criança de 4 anos, apenas a cabeça era proporcional à de uma pessoa adulta - um ser humano totalmente dependente de outros). esta pequena sorriu durante toda a entrevista, contou piadas (com efetiva graça), enquanto descrevia as dificuldades que foi e vai encontrando na sua vida e na sua procura de autonomização. partilhou também as suas conquistas. estava, naquele momento, a trabalhar e a concluir o seu mestrado.

com todas as condicionantes da sua vida, era feliz.

 

lição de vida

 imagem retirada daqui

 

eu, no meu íntimo, enquanto a ouvia, sentia-me extremamente envergonhada do meu aiai, aiaiai

desde esse dia relativizei todos os aiai, aiaiai, - os meus e os dos outros.

a nossa vida é uma construção nossa. a nossa felicidade depende da nossa atitude perante as coisas negativas da vida. 

acabemos com o aiai, aiaiai, que nos consome energia - a nossa e a dos que nos amam - e é um ato de cobardia e passividade.

 

 

30 dias de gratidão #13 porque capacidade estás grata?

pela capacidade de procurar a felicidade

e-faturas | é melhor despachar

não sei vocês mas eu tinha uma carrada de faturas para verificar...uma seca é verdade!

após a verificação as minhas deduções passaram de 100€ para 350€, por isso acho que vale bem a pena a grande seca - nunca antes tinha "ganho" 250€ numa hora ;) .

as dicas da bá fazem diz-nos o que devemos ter em atenção. 

vá ...sem preguiça e rápido, rápido, já só há mais 3 dias para fechar este assunto! o prazo para a verificação de faturas termina a 15 de fevereiro. depois não digam que não avisei 

 

e-faturas

imagem retirada daqui

 

nos meus 30 dias de gratidão, hoje #11 porque festividade estás grata?

pelo natal... é a minha festividade favorita 

antónio lobo antunes surpreendeu-me!

nunca fui cativada pela escrita de antónio lobo antunes, mas ao ler a sua crónica na visão desta semana, numa homenagem ao seu amigo miguel veiga, fiquei maravilhada com a sensibilidade, abertura e afeto, arrisco a dizer ternura, de que fala daquele homem seu amigo. confesso nunca imaginar tal sensibilidade num homem, preconceito ou não, sempre intui que embora sentissem não teria a coragem, pela imposição do machismo (ainda) vigente, de tornarem esses pensamentos e sentimentos visíveis, audíveis para outros.

 

numa passagem do texto podemos ler:

“O Miguel era, para começar, absolutamente irresistível, com um charme único e um extraordinário sentido de humor. Depois era inteligente. Depois era terno. Depois era irónico. Depois era de uma generosidade sem limites. Depois possuía carácter. Depois era bondoso. Depois era firme nas suas convicções. Depois era inabalavelmente fiel nas suas amizades. Teve para comigo gestos de uma extraordinária delicadeza, para além de uma elegância extrema.”

 

Que bela e genuína declaração de amor por outrem. Que enaltecedor elogia à amizade. Quantos de nós fizemos ou teremos tecido um elogio tão natural e sublime a quem amamos?

este texto fez-me pensar nas pessoas da minha vida que deveriam ouvir uma mensagem como esta. não são muitas, mas são aquelas que me estruturam e me fazem sentir segura e amada. merecem um elogio assim, uma declaração de amor, um obrigada por fazerem parte de mim.

obrigada senhor antónio lobo antunes por me puxar à terra, por me (re)lembrar a importância de dizer a quem amamos porque os amamos; de lhes agradecer com justificação, porque um obrigada é importante, mas um obrigada por fazeres de mim melhor é muito mais sentido.

 prometo voltar a pegar na memória de elefante que há uns anos pus num canto e dar-me a oportunidade de entender a obra. porque alguém que enaltece assim um amigo, só pode ter um grande coração e uma mente lúcida!

 

café

 imagem retirada daqui

 

continuando a saga dos 30 dias de gratidão  #10 porque sabor estás mais grata hoje?

O intenso sabor de uma grande chávena de café preto, sem açúcar, ao acordar!

dia dos namorados: sugestões para gajas como eu

gosto do dia dos namorados, também gosto que me cocem as costas.

muitos ressabidos vão responder-me que é mais um dia para promover o consumismo, eu diria que é um dia (muito) chato para os gajos (coitados) que não acertarem "na prenda certa” para os seus amorzinhos.

o dia dos namorados pode ser como o dia da árvore; pode ser aproveitado para plantar (mais) amor.

as frustradas (que nunca tiveram um dia dos namorados como deve ser) vêm e dizem que o amor é para ser valorizado todos os dias. por acaso até concordo!

no entanto, que o celebremos todos os dias não invalida que o enalteçamos num dia em comunhão com tantos outros seres que se amam (não me refiro a orgias nem bacanais [a não ser que o casal assim o queira], refiro-me à comunhão de energias - cada qual com a sua cara metade, no local que mais os inspire).

posto isto, e para abreviar, o que gajas como eu não suportam no dia do enaltecer do amor em comunhão energética:

.jantares marcados em restaurantes com programas especiais para o dia dos namorados – está ao nível dos jantares do dia das mulheres!

. prendas, prendinhas ou prendonas que se resumem a objetos (perfumes, casacos, botas, flores, peluches - ai se o desgraçado me oferecesse um peluche! anéis - nem o de noivado! há tantos outros dias para este louco gesto!)

.qualquer piroseira que me deixasse exposta num lugar qualquer, tipo serenata ou sei lá eu (só de imaginar já paraliso)

 

o dia dos namorados é uma inspiração/desculpa para fazer novas coisas ou as mesmas coisas de forma diferente, a dois: ter prazer a dois; rir a dois; comer a dois; viajar a dois; fazer loucuras a dois; experimentar, a dois, novas coisas...em fim, construir novas memórias - agora todos em uníssono - a dois 

pense no que a sua cara metade gostaria de fazer que ainda não fez, no que ela gostaria de experimentar, que loucura/aventura teria piada para ela, desafie o seu "lugar comum"... dedique-se a ela, pense nela e promova (mais) um momento inesquecível a dois.

 (.meu.mais.que.tudo.) ficam aqui algumas sugestões de prendas para gajas como eu:

.um jantar a cegas (efetivamente em total escuridão para sentir em profundidade todos os outros sentidos)

.uma noite num hotel suspenso nas nuvens

.um kit sexy com jogos, desafios, prémios e castigos (bons)

.um piquenique com queijos, uvas e vinho tinto no topo de uma montanha, que subimos a dois (a tenda para lá pernoitar é um plus)

.aquilo que não me lembrei e que efetivamente me surpreenda

dia dos namorados

imagem de karen warfel

 

 

que posso eu dizer, sou uma moça simples de gostos complexos 

tudo a postos para relações clandestinas

precisei de um hotel para pernoitar com o mais que tudo. não queríamos gastar muito dinheiro pois não iriamos usufruir do hotel mais do que o estritamente necessário, ou seja, uma boa noite de sono. fiz o processo normal: entrei no site do booking, coloquei a cidade e ordenei por preços; eliminei todos aqueles que me pareceram duvidosos e dos quais poderia sair com um órgão a menos; encontrei um a um preço muito razoável.
chegámos ao local e a receção era um intercomunicador. tudo bem. a voz do outro lado ordena a entrada por uma garagem. ok. entramos por um corredor (túnel) e a box da garagem abriu, assim que entrámos, fechou. ainda meia atordoada por aquele procedimento, subi umas escadas que, pensava eu, me levariam à receção, e qual o meu espanto quando chegámos ao quarto. foi naquele momento que me caiu a ficha: nós estávamos num motel para quecas inexistentes!


reação do mais que tudo perante o meu choque: uma gargalhada (.p.r.o.l.o.n.g.a.d.a.)

minha reação ( juro que nada armada em puritana): uma sensação de desconforto por sentir "sexo e traição" por todo lado

repentinamente fui tomada pela consciência maravilhosa de haver imensas coisas que me têm escapado (não a traição no mundo dos adultos) mas a constatação que ainda tenho muito a descobrir e experimentar (sei: umpouco parva, eu sei...e infantil quiçá). veio de seguida o maravilhamento ao ver um espelho gigante e ao constatar que o miminho na mesa de cabeceira não era um bombom ... mas sim um preservativo; de seguida veio uma tristeza imensa ao verificar que o colchão não era de água (nos filmes costumam ser!) ... mas a tristeza brevemente passou ao ver a banheira de hidromassagem .g.i.g.a.n.t.e.

motel


confesso que estava tipo nerd a verificar se estava tudo limpinho enquanto o meu mais que tudo gozava comigo e  perguntava: o que é que tu achas que fazem os casais nos quartos dos outros hotéis?

era tudo muito novo para mim…ok?!


outro momento excecional foi quando saímos para jantar (na total discrição própria dos adúlteros); encontramos, na nossa box de garagem privativa, uma informação que referia que a porta da garagem só abriria quando o corredor estivesse desimpedido. tudo preparado para perfeitos encontros clandestinos.


confesso que esta experiência por um lado me fascinou, por outro me assustou pelo facto de efetivamente uma traição poder não deixar rasto; e como está tudo montado para que isso aconteça! 

Mais sobre mim

leitura para crianças

com um xi-coração podes ajudar!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

diz não à violência doméstica

instagram

facebook

pinterest

Mensagens

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

rasurando

logo.jpg