Follow my blog with Bloglovin

Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mami

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

verão...ação!

ontem, no dia mais longo do ano, chegou o verão - dizem que foi às 23h34m. para além da precisão na chegada da nova estação, agrada-me que as condições meteorológicas efetivamente façam jus à mesma. quentinho tão bom e há tanto desejado. não me recordo de estar a meados de junho sem ainda ter posto o pezinho no mar e vamos assumir, neste contexto, sabe mesmo bem "atirar a toalha ao chão" :)

numa aura de boa disposição sob o brilhar do sol, deparo-me com um artigo da visão intitulado "os próximos meses são os ideias para fazer bebés, diz a ciência". ora bem, mais um motivo para sorrir. heart-583895_1280.jpg

admiro-me, ainda, quando coisas óbvias me despertam a atenção. quando acabei de ler o artigo só pensei: óbvio! no entanto é agora um 'óbvio' cientificamente provado!

tod@s sabemos que no verão estamos mais predispostos 'ao amor' :D 

os dias mais longos, o calor, as férias, a flexibilidade de horários, os corpos "mais" despidos, os finais da tarde na esplanada, as hormonas saltitantes...todos os ingredientes para assegurar bons treinos concecionais!

o que o estudo vem agora revelar é que efetivamente o "semém está mais ativo" (questiono se não será pelo próprio "sexo" estar mais ativo - ou seja, mais = melhor). seja como for, temos mais uma desculpa (como se dela necessitássemos) para intensificar os treinos nos meses de julho e agosto! (quem resiste ao sabor a mar na pele, a um pôr-do-sol, ou à energia que nos despertam as festas de verão?! ;) )

 

fertilidade

female-1294230_1280.gif

 

a infertilidade é considerada após um ano de “treinos” sem toma de contracetivos e sem conceção, a realidade diminui para os 6 meses em mulheres acima dos 35 anos, ou seja, mulheres como eu.

tenho lido bastantes artigos sobre mitos sobre a fertilidade: posições, alimentação, n.º de relações… bem parece que, como em tudo, a questão é o equilíbrio. uma alimentação equilibrada e variada nos nutrientes (evitando o álcool e café em excesso), uma vida sexual regular e descontraída (evitando intervalos superiores a 5 dias pois parece diminuir a mobilidade dos espermatozoides) e evitar variações de peso (estando comprovado que a obesidade diminui a fertilidade, assim como a extrema magreza).

de destacar o que todas já sabemos: período fértil, com duração de 3 dias (dois dias antes da ovulação e o dia da mesma); a ovulação ocorre  14 dias após o primeiro dia de menstruação (em termos médios). a quem atribua uma duração de 5 dias ao período fértil

evita stress e ansiedade (estou a tentar, juro!), não que esteja provado que diminua a fertilidade, mas porque retira o prazer desta importante fase da nossa vida.

o exercício é importante para manter o nosso corpo ativo e uma boa circulação sanguínea, mas em excesso tem o efeito contrario.

embora não hajam posições sexuais privilegiadas para aumentar a gravidez… pode ser giro e só por descontração diversificar m.u.i.t.o. :)

ah! e no final é evitado as perninhas para o ar… aproveita a conchinha ou adormecer no peito do teu príncipe :)

Entre o científico e o inspirador ;) 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

instagram

facebook

pinterest

blogs portugal

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D