Follow my blog with Bloglovin

Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mami

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

de tudo um pouco - tag

aceite o desfio da doce blogger luella rose do o jardim secreto, deixo aqui as 11 respostas ao desafio da tag de tudo um pouco.

 

tag

 

tenho sempre imensas dificuldades em responder em preto e branco, pois para a maior parte das questões as minhas respostas seriam mais para o equilíbrio, o mix ou o depende das situações. optei por me concentrar na ideia do que faço ou escolho mais vezes, para poder (tentar) dar respostas simples. 

 

1.qual o seu estilo de música preferido?  

não tenho. sou eclética no que respeita à música. são as minhas emoções, o meu estado de espírito que decide o que ouvir!

sou daquelas pessoas que já ouviu música para chorar, simplesmente porque era disso que precisava!

 

2.que peça de roupa é a sua preferida do momento?  

vestidos, adoro vestidos, de todos os estilos e feitios … é o meu síndrome de princesinha 

 

3.qual dos seus vernizes são mais divos? 

preto, simplesmente preto!

odeio pintas, flores, brilhantes…unhas que parecem bolos de aniversário!

 

4.shorts ou saia e porquê? 

saia. mais feminino e com mais variedade de estilos.

 

5.cabelo liso ou encaracolado? 

wild! é para onde lhe der … respeito a sua personalidade!

 

6.salto ou sapatilha

prefiro sapatilha, mas não dispenso uns bons saltos nos momentos certos 

 

7.brigadeiro ou gelado? 

gelado, sempre!

 

8.doce ou salgado? 

salgado…com uma imperial ou um bom vinho 

 

9.como você define o seu estilo?

imprevisível

 

10.você é do tipo consumista ou só compra o básico? 

compro o básico para me sentir feliz … o que, por vezes, é muito!

 

11.você se considera vaidoso? 

sim, com muito orgulho! 

 

 

não vou nomear ninguém.

desafio a quem quiser a responder à tag - depois identifico, fazendo link para o blog aderente, atualizando este post)

ou

a partilhar nos comentários a resposta a alguma das perguntas em que tenha uma visão mais fora da caixa – que é disso que por cá se gosta!

tag 8 coisas - o desafio #4

fun-1564113_1920.jpg

 

o desafio colocado pela cute like a candy: o tag 8 coisas, encerra hoje… em grande com as 8 coisas para fazer antes de morrer

.escrever um livro (cliché eu sei… mas gostava mesmo ;) )

.deixar a minha marca profissional (fazer algo que produza uma mudança positiva)

.fazer o caminho de santiago francês (já fiz outros, mais curtos…mas este é “o tal”)

.fazer uma roadtrip pela europa (daquelas sem tempo nem destino)

.fazer a “route 66” nos states

.não ter assuntos “inacabados”

.ter sempre novos desafios

.fazer uma aprendizagem significativa por ano

 

aguardo a vossa partilha … até porque em fase de resoluções para o novo ano… os vossos desejos podem ser inspirações para outros!

tag 8 coisas - o desafio #3

prosseguindo com o desafio promovido pela cute like a candy: o tag 8 coisas! vamos lá explorar mais duas coisas

 

.8 make/roupa/acessórios que não vivo sem

.rímel

.anéis

.batom de cieiro

.botas

.perfume

.casacos

.piercing

.carteira

desafio a minha amiga secreta, sorriso incógnito, a responder a esta tag

 

.8 séries/livros/filmes

.anatomia de grey (série)

.dexter (série)

.a vida é bela (filme)

.a paixão de cristo (filme)

.pulp fiction (filme)

.como água para chocolate (livro)

.3 semanas com o meu irmão (livro)

.perfume (livro)

gostava de conhecer as opções do café em grão para esta tag de 8 séries/livros/filmes

 

anseio também ouvir as opções da malta do costume ;) prevejo algumas sugestões a explorar em 2017

desafio da alimentação by mami

o blog 365 dias lançou-me o desafio da alimentação 

e

se há algo que eu gosto é de comer!

love food

 

 que costumas comer no dia-a-dia?

tudo o que me aparecer à frente e que: não seja frito, muito doce ou carne de suíno.

a minha mãe sempre disse que eu era “uma boa boca”.

 

 preferes doce ou salgado?

salgado (o doce não conjuga bem com a bela da mini ou do copo de vinho tinto  )

 

e quanto a dieta, preocupas-te com isso ou comes sem pensar no amanhã?

comer livremente foi sempre o meu desejo oculto. se desse liberdade aos meus desejos de requinte, a gula dominaria o meu ser e levaria o meu corpo até às trevas da obesidade.

posto este cenário terei de assumir que a minha alimentação é muito ponderada. se a genética foi extremamente gentil com os meus neurónios, o mesmo não poderei dizer em relação ao gene da magreza (caso este exista).

               

                                             

qual é a tua comida e sobremesa favorita?

comida: a magnífica bela posta mirandesa

sobremesa: gelado de morango com pedaços de morango fresco e cobertura de chocolate preto.

sou rapariga de gostos simples 

 

o que é que odeias comer, mas comes porque precisas?

 não me recordo de nada. devoro tudo!

 

quanto pesas? querias pesar mais ou menos? estás satisfeita com o teu peso? 

esta pergunta é indecente! nunca nenhuma rapariga que honre o seu género estará satisfeita com o seu peso!

 

diet

fonte da imagem

 

qual a fruta favorita?

morango na primavera; tomate no verão; figos no outono; kiwi no inverno e abacaxi sempre!

 

comes ou gostas de verduras e legumes?

adoro! são o acompanhamento das minhas refeições, quando não são a refeição em si.

 

quantas refeições fazes diariamente?

acordo com um café e, nesta altura do ano, adormeço com um capuchino. pelo meio faço 4 refeições (pequeno almoço, almoço, lanche, jantar). quando durmo pouco ou estou ansiosa… passo o dia a comer (não havendo condições para uma correta contagem)!

ansiedade e comida

fonte da imagem

 

 

o que  gostarias de comer, mas o teu consciente não permite?

como de tudo. faço uma gestão consciente do que como.

mas ... há sempre um mas … se não houvessem calorias nem limites, seria queijos acompanhados de uvas e um bom vinho tinto português!

 

 

wine_cheese_love

 

fonte da imagem

 

 não vou nomear ninguém para este desafio pois vejo o pessoal a entrar no tão querido desespero do natal 

mas se eventualmente alguém quiser...é só pedir 

 

 

the christmas tag by mami

esta foi a minha primeira nomeação. sinto-me honrada e espero não desiludir!

obrigada filipa bae pela nomeação... adoro o natal! responder às questões fez-me sorrir instintivamente ao recordar dias/momentos felizes!

assim cá fica o meu the christmas tag 

 

 

.qual é a tua comida ou doce de natal preferido?

o que mais gosto no natal (gastronomicamente falando) é a mesa farta, posta de 24 a 26 de dezembro; sempre que passamos por ela é (quase) impossível não “petiscar” qualquer coisita! (ora o fruto seco, ou o bolo rainha … ai e aquela fatia de “pan de jamón”

antes_apos_do_natal

 

.qual é a tua música de natal preferida?

 “vem a mi casa esta navidad” – luís aguile, porque no natal ninguém deve sentir-se sozinho!

 

 

.quais são as tuas cores de natal preferidas?

vermelho e dourado (a minha  é a prova )

 

.preferes ficar de pijama, ou arranjares-te no dia e véspera de natal?

 na véspera gosto de estar arranjadinha e catita… no dia, sempre que possível, de pijama all day (ainda por cima amo pijamas! - fica a dica )

 

.costumas abrir as prendas de natal na véspera ou só no dia?

 às 00h00 de dia 25 (as crianças têm o bónus de abrir as do pai natal na manhã de dia 25)

 

.se só pudesses oferecer prendas a uma única pessoa este natal, a quem seria?

à minha mãe (mas na batota oferecia uma que desse também para o meu pai  )

 

.o que mais gostas de fazer nas férias de natal?

nada! adoro o prazer do dolce far niente

(embora dure pouco, pois há sempre muito a fazer!)

 

já alguma vez construíste um boneco de neve?

um mini boneco de neve na serra da estrela (espero que conte )

 

.qual o teu filme de natal preferido?

não tenho. gosto de cinema, mas sou algo exigente (ou, vá,  de gostos diferentes)

 

.do que gostas mais, da véspera de natal, ou do dia de natal?

sem hesitar: da véspera!

a organização do dia, o reencontro com as pessoas, a expectativa no rosto dos pequenitos...

 

.o que é para ti o natal?

é família. é a certeza de que, independentemente das nossas vidas, nesse dia estaremos juntos!

 

e os nomeados são....

papagaio giló (depois da nossa conversa de hoje...simplesmente... não resisti  ) 

erreguê (porque adoro a tua capacidade de tudo dizeres com imagem, músicas ou filmes)

 

... espero que aceitem partilhar a vossa visão do natal!

como garantir qualidade de vida a um cidadão português em marte

mami.pngrecentemente, após se validar a existência de vida em marte, fui contactada pela ‘nasa’ para fazer parte de uma equipa de investigação que descobrisse como garantir qualidade de vida a um cidadão português em marte.

fiquei muito surpresa com o convite. sei que tinha vantagens perante vários colegas: era portuguesa! no entanto o meu currículo, ainda bebé, não adivinharia um convite desta envergadura.

na entrevista tentei perceber as razões do convite (sem nunca retirar-me mérito ou diminuir as minhas competências).

o entrevistador afirmou que embora o currículo académico seja de extrema importância, pois assegura que o indivíduo possui o conhecimento teórico e terá desenvolvidos algumas competências práticas, ficaria desprovido de sentido se não fosse enquadrado numa experiência de vida em que esses saberes e competências fossem colocados em prática num contexto real.

enquanto eu sorvia cada uma das palavras deste deus científico ao estilo hollywood, possuidor de uma bela voz e com um inglês perfeito – sentindo-me eu num episódio do x-file (o verdadeiro e não a caricatura que lançaram este ano) – ele saca de um dossiê (bem compostinho) com o meu nome impresso.

continuou o seu discurso - pois eu nem piava de admiração (em ambos os sentidos da palavra) – dizendo: verificamos que assinou contrato com um serviço do estado português em 2010 – deixando um emprego melhor remunerado no setor privado, decidindo apostar numa carreira na função pública.

o deus-científico fixou-me com o seu meu olhar, intenso e reprovador, e disse apenas: este factor quase nos levou a exclui-la. a decisão que tomou foi irresponsável, quase suicida. mas como o objetivo da nossa investigação é a sobrevivência, decidimos ignorar este seu ato em prol do todo.

continuou: após mudar de emprego, mudou o governo. as condições para os funcionários do estado caíram drasticamente e certamente terá tomado consciência da merda que fez – ok esta não foi a expressão utilizada pelo deus científico, mas é a melhor tradução que consigo para a bela linguagem utilizada naquele inglês perfeito.

manteve o seu emprego, a meio tempo, sempre precário, perdendo no primeiro ano dois meses de vencimento, no segundo quase o mesmo pois com novo imposto o 13.º mês, em duodécimos, quase nãos e cheirava. quando se restituiu o subsídio de férias passou a recibos verdes, pois não se faziam contratos sem termo no estado - demonstrou aqui que para sobreviver consegue “fechar os olhos” a algumas regras, pois é evidentemente ilegal passar de contrato a recibo verde (para a mesma entidade e cumprindo as mesmas funções), no quinto ano voltou a um contrato, novamente meio tempo, precário e a começar do zero (valor remuneratório, tempo de serviço,…). ao longo destes anos teve sempre trabalhos suplementares em diversas áreas de maneira a conseguir equilibrar o orçamento e fazer face as despesas com as quais se tinha comprometido antes do que por no seu país se chamou “crise” (acreditamos que não terá sido fácil, pois se para o vosso governante sobreviver com 10000€ mês foi complicado, para si fazê-lo com 900€ não deve ter sido nada fácil) – resiliência creio que lhe chamam por cá.

após todas estas situações de desafio e privações não apresenta síndromes de stress pós-traumático. e mais, no meio desse cenário conseguiu sempre ser feliz, por vezes chateada, irritada e frustrada, mas feliz. descobriu novas formas de se divertir, de passar tempo com os amigos e aprendeu muito. cresceu, tornou-se mais crítica e menos fútil.

agora procura viver cada situação e cada momento presente em vez de possuir.

percebeu que o que vive é o único que ninguém lhe tira, que não paga juros e que a faz feliz de dentro para fora.

é hoje uma pessoa complexa e rica que, aliado aos seus conhecimentos teórico-científicos torna-se a candidata perfeita nesta missão! - estes americanos sabem mesmo como nos convencer!

posto isto, como negar fazer parte desta missão?!

nota: no primeiro treino de preparação descobri que os portugueses, pela sua capacidade de adaptabilidade, criatividade e resiliência, são o único povo no mundo considerado para fazer parte da primeira vaga que povoamento do planeta vermelho. pois se nós não conseguirmos, ninguém consegue!

última hora: estão a ser negociados subsídios, a pagar pelo estado norte-americano ao estado português, por cada cidadão português deslocado para marte.

 

diz-se que: obrigada Robinson Kanes pelo tema ... diverti-me muito a escrever este post :)

 

a não perder:

robinson kanes - um feijão frade no deserto

melhor amiga procura-se - férias que deixaram uma grande azia

erreguê -  o papel das pedras da calçada (paralelos) relativamente ao aumento da boa disposição dos portugueses & 

marshmallows de chili um mimo de boa camaradagem a yue :)

r & p - o amor do conde drácula e nerfertiti 

o último fecha a porta - crise no alto mar: a fuga do sal

Yue - marshmallows de chili 

 

doce e travessuras

halloween

no seguimento do desafio lançado no post doces ou travessuras deixo aqui a listagem dos temas já atribuidos e que poderão ser lidos no respetivo blog no próximo dia 31 de outubro :)

 

robinson kanes - um feijão frade no deserto

yue - marshmallows de chili

o ultimo fecha a porta - crise no alto mar: a fuga do sal

melhor amiga procura-se - férias que deixaram uma grande azia

mami - como garantir qualidade de vida a um cidadão português em marte

erreguê -  o papel das pedras da calçada (paralelos) relativamente ao aumento da boa disposição dos portugueses

r & p - o amor do conde drácula e nerfertiti 

 

se forem aparecendo novos loucos que aceitem o desafio...irei atualizando :)

muita inspiração a tod@s ;)

 

doces ou travessuras

halloween

 

o dia das bruxas está a chegar.

embora não seja uma tradição muito tuga, festa é festa!

lembrei-me de um desafio que espero que muitos de vós...pelo menos os corajosos (olhem a pressão psicológica) alinhem.

o desafio consiste em escrever um post a ser publicado no seu blog no dia 31 de outubro.

e?! questionam vocês

o tema será definido por outro blogger.

como?

quem quiser participar deverá responder a este post com a palavra "doces" ou com a palavra "travessuras"

"doce" quer dizer que o blogger quer receber um tema "sério" sobre o qual irá refletir e escrever

"travessuras" quer dizer que o blogger deseja receber um tema, uma palavra, uma alusão "estapafúrdia", a qual será o pilar da sua inspiração

a forma?

a reflexão deverá ser realizada e apresentada seguindo as linhas de cada blog, isto é, cada blogger terá de se manter fiel a si mesmo :)

quem?

só pode atribuir o tema, quem participa, ou seja que aceitará escrever um post sobre o tema que lhe for atribuído.

cada participante poderá apenas escolher um blogger a quem atribuir um único tema, colocando-o em resposta ao comentário com a palavra "doces" ou "travessuras".

quando?

a adesão ao desafio e a atribuição do tema terá de ser realizado até dia 30 de outubro.

o post deverá ser publicado a 31 de outubro com a tag "doces ou travessuras"

 

estou empolgada! espero que vocês também fiquem!

está aberto o desafio e adivinham-se excelente leituras para o dia das bruxas 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

instagram

facebook

pinterest

blogs portugal

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D