Follow my blog with Bloglovin

Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mami

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

curiosidades... vejam lá se sabem #2

muito se fala de qual o melhor ketchup. 

não sou muito dada a molhos, logo a minha avaliação nunca seria a mais "justa", no entanto confesso uma ligeira tendência para a versão picante do heinz ketchup.

 

curiosidades heinz ketchup

 

 mas o que nos traz aqui hoje é uma pequena curiosidade sobre o n.º 57 nas garrafas de vidro do produto.

sabem qual a razão da sua existência?

 

 

fica aqui a solução 

57 heinz ketchup

http://www.heinz.pt/pt-pt/about/hechos

 

dia internacional das raparigas

a 11 de outubro de 2011 a onu - organização das nações unidas - instituiu o dia internacional das raparigas.

 

“Recognizing that empowerment of and investment in girls, which are critical for economic growth, the achievement of all Millennium Development Goals, including the eradication of poverty and extreme poverty, as well as the meaningful participation of girls in decisions that affect them, are key in breaking the cycle of discrimination and violence and in promoting and protecting the full and effective enjoyment of their human rights, and recognizing also that empowering girls requires their active participation in decision-making processes and the active support and engagement of their parents, legal guardians, families and care providers, as well as boys and men and the wider community (…)”

 

procura-se assim alertar para a situação das raparigas no mundo, procurando contribuir para a diminuição (e utopicamente a erradicação) da violência e discriminação de que são alvo, promovendo os seus direitos enquanto seres humanos.

dia internacional das raparigas

 

perante o cenário mundial não posso negar o meu contentamento pela minha menina nascer num país como o nosso - por eu ter nascido no nosso país, que embora com várias questões sociais a resolver, respeita os seus cidadãos, não os descriminando em questões de género (não vou entrar aqui na temática do acesso a lugares de liderança, pois tenho uma perspetiva própria em relação a esse acesso)

 

sobre o tema deixo aqui um artigo interessante.

 

a música da felicidade

o dr. jacob jolij da universidade holandesa de groningen realizou um estudo para identificar as músicas que produzem maior felicidade quando são ouvidas (estudo realizado com 2 mil pessoas e 126 músicas dos últimos 50 anos).

jolij determinou que os elementos-chave para uma canção "feel-good" são: letras positivas e um ritmo de 150 batidas por minuto. o estudo revela ainda que as canções dos últimos 25 anos não são tão "bem-dispostas" como as dos anos 80. 

gostos à parte este é o top10 das músicas da felicidade:

10 - “walking on sunshine” — katrina & the waves (1983)

09 - “i will survive” — gloria gaynor (1978)

08 - “livin’ on a prayer” — jon bon jovi (1986)

07 - “girls just wanna have fun” — cyndi lauper (1983)

06 - “i’m a believer” — the monkees (1966)

05 - "eye of the tiger” — survivor (1982)

04 - “uptown girl” — billie joel (1983)

03 - “good vibrations” — the beach boys (1966)

02 - “dancing queen” — abba (1976)

 

01 - “don’t stop me now” — queen (1978)

 

 

diz-se que: agora é por a tocar e deixar a música trazer-nos feliz! 

 

 

 

por detrás das letras #3

 

one foi sempre uma das minhas músicas preferidas dos u2 (sendo with or without you my number one). num comentário ao meu primeiro post por detrás das letras  erreguê  mostrou-me uma perspetiva que desconhecia desta letra:

"bono diz no livro u2 by u2 que não compreende que [one] seja um dos temas mais utilizados em casamentos. para ele, que a escreveu, é sobre a luta que devemos ter para nos relacionarmos uns com os outros; ele estava a falar sobre o que os 4 membros dos u2 estavam a passar na altura [em que a letra foi escrita], [tendo] chegado a equacionar o fim da banda."

fica a letra para uma nova leitura baixo esta perspetiva :)

 

 Is it getting better
Or do you feel the same?
Will it make it easier on you now
You got someone to blame?

You say
One love,one life
When it's one need
In the night
One love
We get to share
It leaves you, darling
If you don't care for it

Did I disappoint you
Or leave a bad taste in your mouth?
You act like you never had love
And you want me to go without

Well, it's too late
Tonight
To drag your past out
Into the light

We're one
But we're not the same
We get to carry each other
Carry each other
One

Have you come here for forgiveness?
Have you come to raise the dead?
Have you come here to play Jesus
To the lepers in your head?

Did I ask too much?
More than a lot?
You gave me nothing now
It's all I got

We're one
But we're not the same
Well
We hurt each other
Then we do it again

You say
Love is a temple
Love is a higher law
Love is a temple
Love is a higher law
You ask me to enter
But then you make me crawl
And I can't be holding on
To what you got
When all you got is hurt

One love
One blood
One life you got
To do what you should
One life
With each other
Sisters, brothers


Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

instagram

facebook

pinterest

blogs portugal

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D