Follow my blog with Bloglovin

Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mami

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

bacalhau ... congelar sem demolhar?

bacalhau

 

decidi começar a encarar o natal 

no último fim-de-semana a minha mãe disse-me, a propósito da compra de bacalhau: aproveita as promoções, o preço vai subir!

eu, bem mandada, fui ao meu supermercado habitual e lá comecei a olhar para o convidado essencial na mesa dos portugueses, o sr. bacalhau! 

honestamente, pareciam-me todos iguais. munida da minha simpatia e assumindo a minha ignorância, lá fui ter com a senhora do bacalhau. simpaticamente questionou-me para que efeito o pretendia (estive a segundos de dizer: é para colocar na banheira para aproveitar as propriedades do sal, ouvi dizer que é excelente para pele - contive-me). concentrando-me novamente na senhora, referi que queria bons lombos.

dica 1 da senhora bacalhau: para ter bons lombos deverá escolher um peixe que tenha abas pequenas concentrando-se o peso e volume na parte central do peixe (pareceu-me óbvio, embora muito pertinente). prestando muita atenção à explicação da senhora, anui, sorri e disse: pode escolher por mim, se faz favor? (com o ar mais fofil que possam imaginar). simpaticamente assentiu e sorriu também (adoro pessoas simpáticas!)

surgiu aqui a dúvida existencial.

mami:por quanto tempo o posso guardar sem demolhar?

senhora do bacalhau: não dá para o natal!

mami: então o melhor será demolhar e depois congelar? (conclusão lógica lançada em voz alta)

senhora do bacalhau: não precisa de demolhar, pode congeral assim.

- grande nó na minha cabeça -

mami: mas é possível? não perde qualidades, seca ou salga mais?

senhora do bacalhau: não. na verdade pelo sal nem chega a congelar bem.

- nó grande começa a emaranhar-se -

mami: mas então para que congelar?

senhora do bacalhau: para conservar!

- começando a sentir que a conversa ia entrar em loop, decidi por término com um simples: muito obrigada  -

 

mas agora: o que faço com o bacalhau? demolho e congelo ou congelo sem demolhar?

cheguei a casa e comecei a minha pesquisa (não liguei à minha mãe pois sei que me indicaria o modo tradicional e o que eu pretendia era saber se o outro era efetivamente possível!)

os senhores da parmalat referem: "se quiser congelar bacalhau seco, deverá em primeiro lugar demolhá-lo. nunca o congele salgado." pareceu-me uma afirmação incisiva.

os senhores do bacalhau da noruega afirmam: "nunca congele o bacalhau ainda salgado!"  super incisivo!

continuei a pesquisa e não encontrei em lado algum que se possa congelar o bacalhau sem demolhar. 

de duas uma: ou a senhora do bacalhau é muito à frente e sabe novas técnicas, ou a senhora do bacalhau não devia ser a senhora o bacalhau!

 

vou demolhar o bacalhau e congelar, mas como gosto de dar o benefício da dúvida às pessoas e até gostei da senhora do bacalhau, vou congelar uma peça salgada ... não há nada como fazer a experiência  

 

já agora, alguma vez congelaram ou ouviram falar desta opção de congelar sem demolhar?

 

atualização do post (27 de setembro de 2017)

não aconselho a congelar o bacalhau salgado.
quando passado alguns meses (entre 4 e 6) fui buscar o bacalhau salgado congelado, não estava, ainda, congelado. o que me fez "desconfiar" da sua boa condição.
demolhei e cozinhei normalmente. achei que estava um pouco mais seco do que o anterior (demolhado e depois congelado).

por isto não acho que seja uma boa opção.

salada de bacalhau com feijão frade - simples & rápida

gosto muito de comer. mas cozinhar todos os dias é uma seca.

gosto de ser criativa na cozinha em jantares especiais, ao fim de semana… mas no dia a dia o meu objetivo é comer saudável com a lei do menor esforço. como já tinha aqui referido arranjo sempre estratégias que me facilitem a vida.

a receita que hoje partilho, que não tem ciência nenhuma, é um bom exemplo das minhas opções em termos alimentares no dia-a-dia:

salada de bacalhau com feijão frade

ingredientes

(para duas pessoas ou para dois dias intercalados):

salada de bacalhau com feijão frade

 .1 “malga” de bacalhau cozido e desfiado

.2 ovos cozidos e cortados aos cubos ou "gomos"

.1 frasco de feijão frade

.1 cebola picada

.1 tomate picado

.meia alface pequena cortada em juliana

.salsa, vinagre e azeite a gosto

preparação: juntam-se todos os ingredientes, tempera-se e voalá :d

 

 

sugestões:

.o bacalhau pode ser trocado por duas latas de atum

.o feijão frade pode ser trocado por grão

.no inverno serve-se quente, retira-se o tomate e a alface.

.costumo comprar o bacalhau já desfialho (congelado e demolhado)

 

 

diz-se que: esta salada é uma excelente opção para picnics de verão acompanhada com um refrescante vinho branco

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

instagram

facebook

pinterest

blogs portugal

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D