Follow my blog with Bloglovin

Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mami

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

s. miguel - açores - mais e mais dicas de viagem

s.miguel é uma verdadeira perdição no que se refere a comida.

os ananases são excecionais, o facto de serem defumados dá-lhes um sabor único.

o chá verde vê aperfeiçoado o seu sabor.

os licores ordenam controlo, a sua diversidade faz-nos querer provar "outro" e “outro” e “outro” …

os queijos...ai os queijos!

as lapas também são do mais tradicional que há – não amei mas acho que são de “prova” orbigatória

a kima, para quem gosta de sumos com gás, é de provar (ananás e maracujá), assim como a cerveja especial – nos açores beber os açores

o vinho foi, para mim, uma desilusão...mas tão bela ilha não podia abarcar tudo 

 

tive várias dicas de restaurantes de pessoas amigas que têm família em s.miguel que agora partilho convosco:

a não perder

ponta delgada

forneria são dinis | excelente vista, muita pinta e comida de qualidade feita no forno a lenha. local a não perder. os preços são médios (pagamos 19€ por pessoa, com vinho e sem sobremesas). aconselho a pizza da ilha e bife forneria.

 cais 20 | local idóneo para comer marisco. muita qualidade e doses bem servidas - uma dose dá perfeitamente para duas pessoas! os preços são médios (pagamos 23€ por pessoa, com vinho e sem sobremesas).

 a tasca | excelente restaurante de tapas aberto até às 2h00 da manhã :) decoração típica, gente simpática e muita qualidade. aconselham a fazer reserva.

 

ribeira grande

associação agrícola | para quem adora carne de vaca – que é o meu caso - este é um local a não perder em s.miguel. carne magnífica (aqui faz sentido o "do prado para a sua mesa"), preparada por quem sabe, servida num ambiente simpático. aqui come-se qualidade a bom preço (média de 15€ por pessoa sem sobremesa).

 

por toda a ilha

piqueniques | tanta beleza natural convida a simpáticos piqueniques com excelentes condições nos diversos miradouros ao longo da ilha. são também bem-vindos após as descidas para as lagoas e os saltos.

 

a considerar

furnas

o miroma | foi o restaurante escolhido para degustar o cozido das furnas. exige reserva previa, feita no próprio dia – de manhã, caso se pretenda comer o cozido (média de 18€ pp). já tinha ouvido comentários menos simpáticos sobre o cozido das furnas e embora admita que o prato não é nada de especial (de referir que não sabe a enxofre como li em diversos post) creio que é “obrigatório”, para ter a experiência completa das furnas.

 

sete cidades

lagoa azul | restaurante buffet que vale pela possibilidade de experimentar diversos pratos. restaurante simples e acolhedor. bom preço (13€ pessoa) 

 

açores gastronómico

alojamento

em ponta delgada fiquei no b&b private room in ponta delgada, um hostel pequeno com o conforto necessário (casas de banho partilhadas), ambiente acolhedor, simpatia dos anfitriões que nos fazem “sentir em casa” com cozinha / sala de refeições sempre com bebidas e biscoitos disponíveis; excelente pequeno almoço; excelente localização (34€ quarto duplo com pequeno almoço).

em vila franca do campo a escolha foi o islet view. uma casa de habitação acolhedora; o quarto era enorme e com excelentes condições o pequeno almoço era divinal. a localização razoável (35€ quanto duplo com pequeno almoço).

em capelas fiquei alojada no acorsonho apartamentos turísticos o complexo de apartamentos é muito interessante, o apartamento era enorme e com excelentes condições, tinha dois quartos e acolhia duas pessoas na sala, alojando perfeitamente 6 adultos (68€ noite sem pequeno almoço).

nas furnas pernoitei no hotel vale verde, excelente opção pelo preço, simpatia, serviço e localização (69€ quarto triplo com pequeno almoço).

vêm aí as férias...e agora?!

não sou o ser mais organizado do mundo, mas no que diz respeito a férias costumo ser atinada.

este ano, entre a azafama e as mudanças, cheguei a esta altura sem ter nada marcado e sejamos honestos, para quem tem férias em agosto, não preparar com antecedência é sujeitar-se a preços elevados ou ao que ninguém quer. estratégia para melhorar este cenário? vou para onde poucos querem ir.

portugal, e ainda bem, está na moda. a sua costa é muito procurada, muitos alojamentos já estão esgotados e os preços em alta. portanto, escolhi o interior alentejano.

ao iniciar a minha pesquisa verifiquei que há imensas herdades e locais mágicos no interior alentejano. apaixonada pela enologia há um sem fim de locais por onde me posso perder. mas não me posso esticar nos alojamentos dos produtores que nesta belo mês de agosto são também bastante dispendiosos.

bem a intenção é pegar no carro e percorrer alguns pontos da região (o simplex fica com urticária se passar muito tempo no mesmo local), experimentaremos assim vários locais e alojamentos. 

começaremos o nosso itinerário na praia de melides (grândola), um pouco de areia e mar antes de nos entranharmos no interior alentejano. depois da praia...o relaxante descanso em beringel (entre ferreira do alentejo e beja), no monte da diabroria , alojamento de 1 noite com pequeno almoço por 65€ - fabuloso em pleno agosto  

 Monte da Diabroria

 

 Monte da Diabroria - relax viw

 diz-se que: o relax das férias e o calor do verão favorecem a conceção

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados

instagram

facebook

pinterest

blogs portugal

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D