Follow my blog with Bloglovin

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

mami

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

ácido fólico e gravidez

quando informei a minha médica da minha intenção de engravidar e após um rol de exames médicos, receitou-me a toma de folicil – ácido fólico (vitamina b9). o ácido fólico é uma substância que previne malformações no feto, especificamente na constituição do tubo neural podendo afetar  o desenvolvimento da espinal medula; a médica considerou que deveria iniciar a toma de imediato – referiu que não tinha nenhuma contraindicação.

ácido fólico

passados 3 meses e estando a acabar os comprimidos fiz uma pesquisa sobre o assunto. e bem…fiquei algo reticente quanto à toma deste suplemento.

a organização mundial de saúde recomenda que as mulheres grávidas saudáveis tomem 0,4 mg de ácido fólico por dia. parece que o problema prendem-se com o respeito por esta quantidade, visto que para alem do suplemento (cuja dosagem pode variar) uma alimentação saudável inclui imensos alimentos fonte desta vitamina.

verificou-se, num estudo levado a cabo pela faculdade de medicina da universidade do porto e da universidade católica e publicado no journal of endocrinology, que  “a exposição a quantidades excessivas de ácido fólico durante a gestação pode aumentar o risco de as crianças virem a sofrer de diabetes e de obesidade”

um outro estudo, realizado em miami (eua), “revela que grávidas que tomem suplementos vitamínicos com ácido fólico em excesso pode aumentar o risco de autismo” (dados aparentemente não verificados).

como a minha gravidez ainda está em lista de espera, decidi não fazer nova toma do suplemento e intensificar o consumo de alimentos que aportam naturalmente esta substância ao organismo (pelo menos enquanto não se verificar a gravidez, depois seguirei as instruções da médica). a questão é que não me faz sentido tomar este suplemento por tempo indeterminado, visto não saber se irei ou não engravidar.

 

alimentos ricos em ácido fólico/ vitamina b9:

hortaliças verdes - espinafres, brócolos, espargos, couve, alface, feijão-verde; e outros vegetais como a beterraba, abóbora, cenouras, nabo

leguminosas - feijão, grão-de-bico, milho, lentilhas, ervilhas,...

fruta - abacate e destaque para os citrinos: laranja, morangos, framboesas, ...

queijo pasteurizados - camembert, brie, ilha, flamengo, …

ovo

miúdos de aves, fígado

carnes vermelhas, morcela, fígado de vitela

sementes e frutos secos

chocolate preto

 

diz-se que: "a espinha bífida é uma condição em que a espinal medula fica exposta. se as vértebras da coluna vertebral que rodeiam a espinal medula não fecharem corretamente durante os primeiros 28 dias depois da fertilização, o cordão de nervos da espinal medula poderá malformar-se especialmente na parte inferior da coluna. isto pode provocar danos no sistema nervoso central." fonte: de mãe para mãe

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

instagram

facebook

pinterest

blogs portugal

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D