Follow my blog with Bloglovin

Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

mami

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

. lifestyle . | devaneio & introspeção | descobrir | experimentar | partilhar | viver | sentir | amar | lutar | conquistar | desafiar | vencer | felicidade de ser e estar e não saber se se quer mais

constatações

a semana passada foi de loucos a nível de trabalho (penso que se notou por cá).

não sou rica, não tenho pais ricos, (ainda) não ganhei o euromilhões.

tenho excelente bom gosto, mas estou limitada (economicamente) na sua demonstração.

tenho por opção e por prazer uma vida social exigente.

adoro criar, aprender novas coisas, agarrar desafios!

sou dirigente associativa e voluntária por considerar fazer parte do meu dever cívico.

detesto segundas. detesto manhãs. super detesto segundas de manhã.

não suporto os “ai, ai, ai”, o dói-me o cabelo, nem o não sou capaz em vez do não me apetece.

 

isto tudo porquê?

porque as pessoas deveriam ser proibidas de me irritarem profundamente às segundas de manhã!

mais,

no geral e na eliminação do risco, as pessoas deveriam ser proibidas de comunicar comigo às segundas de manhã!

 constatações

 imagem retirada daqui

 

diz-se que: já estava com saudades de passar por cá de corpo, alma e mau feitio!

super poderes

sei que esta é uma questão algo...infantil!

mas existirá no mundo alguém que nunca tivesse desejado ter um superpoder?!

eu já passei por várias fases:

- ler os pensamentos, até ver o filme com o mel gibson "do que as mulheres gostam" – fiquei a achar que seria uma péssima ideia

- ser invisível - ai se freud analisa-se este desejo

- teletransportar-me – odeio conduzir e o harry potter voltou a trazer este desejo à minha existência

 

agora, neste preciso momento, o meu único super poder que desejo é o de pôr o mundo em slow motion, não na dinâmica, mas no tempo.

sinto que estou a perder as pequenas coisas da vida (hygge), que ando sempre a correr, a fazer qualquer coisa, a planear tantas outras…e quando ocorrem não tenho tempo ou estou demasiado casada para as disfrutar!

sinto que tenho aquela pecinha que sempre temi na panela de pressão da minha mãe, pronta a saltar!

 

imagem retirada daqui

 

não havia mesmo necessidade!

recentemente mostrei a minha indignação em relação a uma proposta indigna aqui

e pensei que o meu grande problema seria arranjar nova cabeleireira. mas pelo que parece  a pessoa que precisa de "ajuda" tem largos tentáculos!

estava hoje naquele relax idiota de correr a página do facebook com o objetivo único de alguns minutos sem pensar, quando me entra uma mensagem no messenger de uma pessoa que conheço dos copos (ou seja que vejo 3 vezes por ano e que nunca me contactou no facebook), adiante denominado "o imoral":

 

o imoral: "boas. sei que estás com os exames de um cromo da bola, que joga aqui no clube!"

a indignada desconfiada: (não responde)

o imoral (passado 5m): "ele safa-se ? não me sabes dar nenhum tópico do exame de sexta-feira ?!"

a indignada chocada: "claro que sei! ele que estude! "

o imoral: "Claro ! Se puderes envia, para o ajudar a estudar !!"

a indignada passada: (não responde)

 

 

conclusões:

.cai pelo chão a minha crença nas pessoas

.pessoas imorais não percebem ironia

.pessoas imorais são burras!

 

 
 

 

Ironicamente no desafio da gratidão o dia de hoje está relacionado com tecnologia...coincidência?! 

#2 - porque tecnologia estás grata?

não sei se será terminologicamente correto considerar a internet uma tecnologia, mas como o blog é meu eu considero o que quiser 

as possibilidades de conhecimento e comunicação que a internet trouxe são infindáveis. hoje sabemos sobre imensas coisas, temos acesso ao conhecimento e às diversas visões sobre o mesmo. podemos comunicar e trabalhar com pessoas em qualquer parte do mundo. os recursos são inúmeros!

claro que há riscos, tudo tem riscos. no entanto considero que as vantagem os ultrapassam largamente!

tree-200795_1280.jpg

 fonte da imagem: geralt

 

 

não havia necessidade!

estava eu relaxadamente a cortar o cabelo, bem não era eu que o estava a cortar mas sim a moça, quando esta se dirige a mim e me diz algo do género: "queria pedir-te uma coisa … bem, não é coisa que se peça...mas...". eu expectante deixei-a continua. "o meu filho tem um amigo que veio para a escola em que estás e ele está meio aflito, não o consegues arranjar-lhe os exames?"

estão a imaginar a minha cara de parva e o meu tico e teco a tentar articular esta informação em modo de curto circuito! pensei:

 

cenário 1:

vou mandá-la colher caracóis para o alto da serra e vou pôr-me na alheta! 

problema: o corte de cabelo já estava a decorrer

cenário 2:

explico educadamente que o que me está a pedir vai contra todos os princípios éticos da minha profissão e que se ela está oca de valores eu tenho os meus muito enraizados

problema: o corte de cabelo já estava a decorrer 

cenário 3: 

digo que não, que não posso fazer isso (como se da conversa mais banal do mundo se tratasse) e começo a falar da cristina ferreira

problema: sinto-me uma grande cobarde

 

 

 

obviamente fui uma grande cobarde (amo o meu cabelo).

agora tenho um grande problema: esta é a minha cabeleireira preferida, trabalho com ela há anos...e vou ter de arranjar uma nova!

inspiro e expiro

 

a minha primeira resolução de 2017, tomada nas últimas horas de 2016, foi a decisão de qual das minhas bandas de adolescência que iria ver em 2017.

a dúvida existencial era entre guns n' roses e red hot chili peppers.

estava eu na preparação do jantar a ouvir/ver youtube e começaram a passar as minhas músicas preferidas dos guns n' roses... quando me apercebi do meu entusiasmo a dúvida desfez-se de imediato! era esta a banda que iria ver. liguei de imediato à minha best e partilhei a minha decisão ao que ela simplesmente respondeu: 'bora! (adoro esta disposição a satisfazer os meus desejos!)

hoje, continuando a organizar a vida/ano/tudo, fui ver os bilhetes e .p.o.r.r.a. quem raio vende bilhetes a 79€!!!!!!!!????????? a sério?! vivemos em portugal como é possível o ingresso para um concerto custar 79€?! e já agora, uma banda que não edita há anos... e embora os adore...estão velhos e gordos!!!!!

posto isto (surpresa, raiva, frustração, desilusão...), inspiro e expiro, lá fui ver os bilhetes para a segunda opção: red hot chili peppers no super bock super rock. os bilhetes custam 55€, não se pode dizer que sejam baratos...mas são mais baratos e é um festival...se a banda der banhada sempre há outros que podem animar a malta.

num mundo perfeito, um pouco triste por não ver os guns lá me consolava com os red hot. mas não há mundo perfeito!

bilhetes esgotados para o dia do concerto. a única hipótese de ver a banda é comprar o bilhete geral do festival pela módica quantia de 109€ ... posto isto (surpresa, raiva, frustração, desilusão...), inspiro e expiro, acaba de ir por água a baixo a minha primeira resolução para 2017!

não havia necessidade 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

instagram

facebook

pinterest

blogs portugal

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D